21 de junho de 2010

Dunga brigou com a Branca de Neve

Brasileiro não serve nem pra armar barraco. O que Maradona montou com a imprensa da Argentinha, ano passado, ficou melhor. O da seleção francesa, durante a Copa, chama mais a atenção.

Dunga que não convocou a concordância verbal e nem a educação para este mundial, decidiu brigar com a Rede Glóbulo falando palavrões ao repórter Alex Escobar. Foi depois do jogo contra a Bosta do Marfim.

Na verdade não houve briga porque só um bateu. E foi o Dunga com o apoio da Confederação Barraqueira de Futebol, a CBF.

Entrou rasgando de sola como fazia quando maltratava a bola e os adversários. O Escobar que já está careca de saber como se comporta o "treinador", foi atingido de forma desleal.

A Rede Glóbulo repudiou a atitude do anão dizendo, ainda, que vai continuar torcendo pela seleça. Eu também vou continuar torcendo porque é a única coisa que pode parar este país no meio da semana até 11 de julho.





A briga do Anão, Dunga, com a Branca de Neve, Rede Glóbulo, é fácil de entender.

Com mania de perseguição desde 1990, Dunga odeia a imprensa. Pra ele a imprensa crucificou Cristo, riscou a Babilônia do mapa, colocou fogo em Roma e arquitetou as duas guerras mundiais.

A zona da Copa 2006 somada ao ódio retumbante fez o anão cortar os privilégios do canal dentro da seleça. Foi aí que tudo começou.

Com uma cobertura sem exclusividades mais a campanha “Cala a Boca, Galvão!” a Rede Glóbulo tem patinado no iBope, a tropa de elite da audiência.

Enquanto isso a fabula vai sendo reeditada. Hoje temos um Dunga, 23 felizes, 190 milhões de Zangados e uma Branca de Neve sem moral.

Sinceramente torço para que esta briga não termine tão cedo porque, além de não termos futebol, tiraram o nosso pão. Tirar o nosso circo seria demais.

1 comentários:

Naty Bomfim,  21 de junho de 2010 19:14  

"Confederação BARRAQUEIRA"...kkkkk...

  © Macaquices - Design by Emporium Digital

Back to TOP